Menu dos Produtos e Serviços

Posted on 6 de Fevereiro de 2013 por

3


Menu de Produtos, imagem de Destaque

Como começar negócio online: Etapa #7, menu de produtos e serviços

Esta é a etapa #7 de como começar o seu próprio negócio online. Agora já tem uma ideia sobre o seu cliente-alvo (etapa #4). E sabe quais são as suas competências (etapa #1). Hoje, irá usar este conhecimento para criar o catálogo de produtos ou serviços que irá oferecer aos seus clientes.

Será mais uma etapa importante na sua estratégia de marketing digital, fundamental para o sucesso do seu negócio na Internet ou e-commerce. Se perdeu os artigos anteriores, clique aqui para ver o artigo inicial.

Escolher os produtos e serviços

O primeiro passo é voltar para a sua matriz de competências e preencher a terceira coluna:

Matrix de competências e concorrência para negócio online

Matrix de competências e concorrência

Olhe para as competências que têm as três colunas preenchidas. Por exemplo: escrever sobre marketing digital, escrever sobre SEO e escrever sobre redes sociais. Estas são as habilidades em que é bom, gosta e os seus clientes estão dispostos a pagar.

Se não tem quaisquer competências que satisfaçam os três critérios, faça uma lista com as competências que têm duas marcas. Neste caso, terá que decidir o que é mais importante: ganhar dinheiro ou apreciar o seu trabalho? Isto é, prefere oferecer um serviço em que é bom, mas não gosta – ou algo que gosta, mas ainda não é bom?

Mas, uma exigência óbvia é que os seus produtos ou serviços tenham procura. Se os seus clientes-alvo não estão interessados, então esqueça. Não interessa o quanto deseja fazer isso ou que tenha competências, simplesmente não irá ter compradores. Vai mesmo querer fazer dinheiro com o seu negócio online, certo?

Escolher um produto e serviço em vez de outro

Se optar por oferecer produtos ou serviços que se destacam, mas não gosta, pode optar por cobrar um preço mais alto. Assim, quando tiver alcançado o seu objectivo em termos de vendas, poderá optar por retirá-los do seu catálogo e optar por fazer apenas o que gosta. Irá ver que rapidamente chegará a este ponto!

No entanto, se optar por competências em que ainda não é muito bom, mas que gosta, então esteja consciente de que deverá cobrar abaixo da média da indústria, pois ainda está a fase de aprendizagem nesta área. Certifique-se de que realmente está a fazer algo para melhorar as suas competências.

No meu caso, ainda não sabia muito sobre Redes Sociais e decidi tirar um curso sobre Marketing nas Redes Sociais. Mas sabia que tinha que ganhar experiência real como Marketeer de Redes Sociais. Assim, ofereci os meus serviços de Marketing com um preço cerca de 60% abaixo da concorrência e até ofereci um serviço de graça para obter feedback e o depoimento de um cliente muito influente.

Claro, também pode ter uma combinação de produtos e serviços – aqueles que preenchem os dois ou três critérios.

Tornar os seus produtos e serviços mais rentáveis

Agora que tem a sua lista inicial de produtos e serviços, a seguir deve colocar a seguinte pergunta: “O que mais posso fazer para agregar valor”; ou “Como posso tornar a vida do meu cliente mais fácil, melhor ou mais rentável com este produto ou serviço?”. Às vezes, a resposta implica adicionar pequenos produtos ou serviços que poderá facilmente incluir.

Por exemplo, se eu oferecer o serviço de escrita de artigos para websites (de modo a melhorar o SEO Search Engine Optimization), posso acrescentar o serviço de submissão de artigos em 10 directórios e 4 redes sociais. Ou posso ter como opção um serviço de actualizações de artigos: seis actualizações do mesmo artigo (de modo a manter a informação sempre actualizada no website).

Portanto, não basta oferecer um serviço de escrita de artigos para websites. Deve torná-lo num pacote de escrita de artigos. Desta forma, poderá cobrar mais por basicamente o mesmo serviço.

Este é também o momento certo para pensar nos serviços de longo prazo que quererá oferecer. Coloque a pergunta: “Depois de eu vender este produto ou realizar este serviço, o que é que os meus clientes precisarão ou quererão em que eu posso ser bem sucedido?”

Imagine que está a oferecer a criação de websites, que inclui a instalação e personalização. O que é que o seu cliente quererá após a instalação estar concluída? Será necessária a actualização regular de alguns componentes, tais como os plugins. O seu cliente vai querer que faça a manutenção e gestão de segurança do website. Então, porque não oferecer esses serviços como um pacote de manutenção do website?

Agora o seu catálogo de produtos e serviços está completo!

Antes de terminamos a tarefa de hoje, gostaria de o aconselhar a começar com um catálogo simples: inclua só alguns produtos e serviços. Caso contrário, irá ficar sobrecarregado com a definição de tantas opções. Poderá sempre alargar o seu menu mais tarde, quando tiver uma melhor compreensão dos seus clientes-alvo e à medida que vai desenvolvendo as suas competências.

Uma outra ideia é a de ter serviços exclusivos disponíveis apenas para determinados clientes. Esses serviços não estarão disponíveis publicamente, mas poderão ser oferecidos, por exemplo, para completar uma tarefa relacionada com um cliente. Assim, o cliente irá sentir-se especial, como se fizesse parte de um clube exclusivo.

O que achou da tarefa de hoje? Partilhe as suas ideias utilizando a secção de comentários em baixo.

Carlos Rodrigues

Director de Marketing / Gestor de Marketing Digital

@Marketing Digital Portugal, Leiria

Anúncios
Posted in: Empreendedorismo